São Paulo, 22/08/2019        
PÁGINA INICIAL
Florais de Bach para animais
 
ARTIGOS     
 
O Dong Zhi é um dos feriados mais importantes da cultura Chinesa, perdendo apenas para o Ano Novo. Ele marca o momento em que a Terra está no ponto de sua órbita mais afastado do sol, ocorrendo em 21 de dezembro no hemisfério norte e entre 21 e 22 de junho no hemisfério
sul. Não por coincidência, o Dong Zhi - ou Solstício do Inverno - marca a chegada da estação mais fria do ano em ambos hemisférios.
Os profissionais da área biomédica também celebram a aproximação do Dong Zhi, mas à sua maneira. Neste período do ano, decoramos os consultórios como Oráculos de Asclépio e esperamos as levas de peregrinos que chegam entoando um mantra bastante típico: o Sibilus Asmaticus. Afinal, nada como mais um bom e velho inverno para lembrar "Ei, e aquela sua bronquite, hein...?".
O termo Asma deriva de uma palavra grega que significa "arfante", denotando a genialidade do anônimo que batizou a doença. Atualmente, a asma afeta cerca de 10% da população mundial.
A asma possui causas complexas e variadas. A maioria dos asmáticos é alérgica, mas nem todas as pessoas alérgicas possuem asma. Além disso, para complicar, os processos alérgicos não conseguem explicar todos os casos de asma. Provavelmente, a asma resulta da interação entre a susceptibilidade genética e fatores ambientais.
Os principais gatilhos que podem desencadear as crises incluem exposição a alérgenos no ambiente, baixas temperaturas e estresse, mas as crises também podem estar relacionadas a estresse, emoções fortes, exercícios físicos, refluxo gastroesofágico e certos alimentos e medicamentos.
Para lidar melhor com a asma, coloque as seguintes orientações bem próximas ao seu calendário antes do Dong Zhi:
- Evite contato com pólen, mofo e animais de pêlo (incluindo bichos de pelúcia e o Tony Ramos).
- Ácaros e baratas são alérgenos comuns que podem causar crises graves de asma. Limpar a casa com pano úmido, encapar colchões e travesseiros com tecidos impermeáveis, e livrar-se de tapetes e carpetes são medidas simples para diminuir a concentração destes contaminantes.
- Fuja de poluentes ambientais como cigarro, produtos de limpeza com cheiro forte e descargas de automóveis. Uma boa dica neste sentido é mudar de planeta.
- Se possível, diminua o consumo de alimentos contendo glutamato monossódico (encontrado em sopas em lata e certos queijos) e sulfetos (utilizado como conservante em certos vinhos e alimentos industrializados). "Nada de queijos e vinhos??", você irá perguntar, constatando que eu acabei de detonar seus planos para o restante do inverno.
- Veja com seu médico se a sua asma pode ser causada por exercícios. Mas atenção: não use isso como desculpa para ficar em casa se enchendo de capuccino e biscoitos de chocolate.
- Devido às alterações nos níveis hormonais, 30 a 40% das mulheres apresentam mais crises de asma alguns dias antes e durante a menstruação. Os anticoncepcionais orais podem ajudar nestes casos, nivelando as flutuações hormonais. Curiosamente, a Terapia de Reposição Hormonal na menopausa parece aumentar o risco de asma.
- Na gravidez, um terço das mulheres asmáticas apresentam piora das crises, um terço sofre menos e o outro terço não observa alterações na gravidade dos ataques. Felizmente, as medicações habituais contra asma parecem seguras para uso até mesmo em gestantes.
- Finalmente, uma em cada 3 pessoas asmáticas possui familiares com o mesmo problema. Como os fatores genéticos parecem ser mais importantes que os fatores ambientais nestas famílias, converse ainda hoje com seus pais sobre a possibilidade de você trocar todos os seus genes.
***********************************************************
Dr. Alessandro Loiola é médico, escritor, palestrante, autor de "Vida
e Saúde da Criança" e "Crianças em forma: saúde na balança"
(http://shoppinglivros.com.br/loja
Atualmente reside e clinica em Belo Horizonte, Minas Gerais.

MSN:alessandroloiola@yahoo.com.br
Fone +55 (31) 3232-0550
Publicação autorizada, desde que os CRÉDITOS SEJAM CONSERVADOS E
FONTE CITADA: site “Florais e Cia” – www.floraisecia.com.br

<<Voltar para página Anterior

 

 

Topo^   

COLUNAS