São Paulo, 26/07/2014        
PÁGINA INICIAL
Florais de Bach para animais
 
ARTIGOS     
 

Você sabe para que serve a Caixa de Gordura que toda Residência, Restaurante, Hotel, Reparticão Pública, Lanchonete, Industrias, Shopping, etc devem ter em sua construção? Qualquer construção que tenha cozinha precisa de uma Caixa de Gordura. Você já abriu uma Caixa de Gordura?
Como o próprio nome está dizendo, a Caixa de Gordura serve para reter a gordura e óleos que vem pela ligação hidráulica de cozinhas de qualquer estabelecimento. Ela é confeccionada de tal maneira, que como os óleos e gorduras são menos densos que a água (mais leves) ficam retidas na caixa e não podem ser enviadas ao tratamento sanitário do conjunto fossa/filtro/cloradora. O que fica retido na Caixa de Gordura deve ser retirado e manejada de maneira adequada para não contaminar o já combalido meio ambiente. Repetindo: A gordura retida na caixa não pode entrar na fossa séptica junto com a matéria orgânica que vem dos vasos sanitários.
Tem sido enviados e-mails para as mais variadas associações e ONGs e que depois são repassados para milhares de pessoas, sugestões de como deve se desfazer do óleo usado nas frituras de sua cozinha. Todos dizem que jogar na pia ou no ralo é um comportamento errado de graves consequências para o meio ambiente, já que um litro de óleo contamina um milhão de litros de água. Sem dúvida que isso não se deve fazer, pois o óleo usado e que é jogado na pia ou no ralo pode formar, com o tempo, obstáculos (crostas) que vão entupir os encanamentos e também propiciar o surgimento de baratas e ratos, vetores transmissores de doenças.
Uma outra sugestão ventilada é a de que deve-se colocar o óleo em garrafas pet, tampadas, para que o caminhão de lixo leve para os aterros. Isso também não funciona, porque são raríssimas as coletas em separado desse óleo ou de outros resíduos orgânicos e, então esse óleo, seria misturado com todo o lixo recolhido, causando problemas para os materiais que poderiam ser reciclados, como papelão, vidros e embalagens pet, pois haveria a contaminação de todo esse material, além da contaminação do meio ambiente, aonde esse lixo é despejado.
Mas o que fazer com o óleo usado nas frituras?
Existe, basicamente, três soluções:
1) Acondicionar esse óleo em garrafas pets ou latões de plásticos com tampa e chamar empresas especializadas para o recolhimento, que elas farão a reciclagem desse óleo para várias finalidades e algumas delas fabricarão sabãos em pedra. Mas são poucas as empresas que fazem esse tipo de coleta e em raríssimos municípios.
No site: www.akatu.org.br você consegue saber de empresas que fazem esse recolhimento.
Saiba mais: http://www.radiobras.gov.br/ct/1999/materia_171299_4.htm
http://www.valeverde.org.br/html/dicas2.php?id=!
2)Você mesmo pode fazer seu sabão, é muito simples e econômico, basta um pouco de capricho e boa vontade. Algumas pessoas fazem dessa atividade como um "bico" para ganhar um dinheirinho. Veja uma receita:
Receita de sabão a partir do óleo de cozinha -
por Maria Bassi Massulini

Material utilizado
- 5 litros de óleo comestível usado
- 2 litros de água
- 200 ml de amaciante
- 1 kg de soda cáustica (NaOH)

Passo-a-passo
1- Misture o óleo e a soda
2- Coloque cuidadosamente a água fervente. Mexa.
3- Adicione o amaciante. Mexa novamente.
4- Mexa até formar uma mistura homogênea.
5- Jogue a mistura em uma forma e espere secar bastante.
6- Corte as barras e pronto!

Dica
Quanto mais o sabão curtir, melhor ele fica.

3) Eu sou a favor de que a melhor solução, desde que não sejam quantidades muito grandes e as de cozinhas residenciais não é, que se enterre o óleo usado junto com o lixo orgânico. Leia o artigo LIXO ORGÂNICO ZERO! No site www.floraisecia.com.br, coluna Ecologia. Veja o que diz Isabel Alves do Centro de Apoio e Defesa da Cidadania - RJ: "Tenho o hábito de jogar o óleo de cozinha em um buraco na terra, protegido em volta por pneus velhos. A tampa é removível e aproveito o espaço para jogar ali cascas de batatas e de ovo. Com o passar do tempo, retiro dali uma terra bem adubada que é utilizada em volta das árvores frutíferas. O problema é que o habitante urbano tem capeado todo o solo, formando uma ilha de calor em volta de seu habitat, deixando de aproveitar a terra, que, com certeza, se constitui em excelente filtro natural.
Aí fica complicado. Quando o habitante urbano não destina um percentual do
seu terreno, por menor que seja para usar a terra nua como filtro natural,
perde oportunidades como essa e contribui para destruir o eco-sistema. E
isso não é uma prática nociva só das favelas, não. É uma prática nociva,
principalmente, das verticalidades para classe médio-alta, onde os ricos
adensamentos jogam tudo pelo ralo. Se pelo menos, eles tivessem o cuidado de armazenar o óleo em garrafas pets para serem depositadas em local próprio. Mas não sei se a maioria se dará a este "Luxo".
Um dia, quer queiram ou não, todos serão obrigados a repensar a habitação,
caso contrário, o planeta ficará inabitável.".

Recomendações corretas para a destinação do óleo de fritura:

A destinação ambientalmente correta é segregar este resíduo (óleo de fritura) e enviar as empresas que fazem recuperação destes óleos. Tais práticas já estão sendo adotadas em muitas cidades de colonização alemã, no Sul do Brasil, como Novo Hamburgo, Gramado, Blumenau e mesmo em Curitiba. Em outras cidades e alguns condomínios adotam esta prática. Algumas empresas também a adotam.

Deve ser observado que se descartarmos as garrafas de PET com o óleo usado, estas não terão destinação adequada, pois os galpões de reciclagem não terão o que fazer com este material por não estarem preparados para isto. No Rio Grande do Sul temos uma empresa que coleta este óleo e o envia à indústria de tintas para reciclagem.
Onde entregar o óleo de fritura

ABC Paulista
Ação Triângulo, OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) com sede na cidade paulista de Santo André.
Conheça a Ação Triângulo


Ribeirão Preto-SP
Em Ribeirão Preto e região, no interior paulista, o óleo de cozinha também pode ser doado. O Projeto "Biodiesel em casa e nas escolas", desenvolvido pelo Laboratório de Desenvolvimento de Tecnologias Limpas do Departamento de Química da USP de Ribeirão Preto
Conheça o projeto "Biodiesel em casa e nas escolas"


Rio de Janeiro - RJ
No Rio de Janeiro há outro projeto de pesquisa sobre o uso do óleo como combustível. O Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-graduação e Estudos de Engenharia da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), também conhecido como COPPE, desde 2002 realiza um trabalho, sob coordenação do professor Alexandre D'Avignon.

Colabore com o meio ambiente, instalando e limpando adequadamente sua Caixa de Gordura. Mudar nossos hábitos em relação à proteção da Natureza vai ajudar a melhorar nossa degradação ambiental.
*******

*******
Walter Antonio Pereira
Biólogo - Graduado em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Maringá - PR;
Professor de ciências, matemática e educação sanitária por mais de 7 anos;
Biólogo da "Saneeco", empresa que fabrica, instala equipamentos para tratamento de efluentes domésticos e industriais, biodigestores - Saneeco - www.saneeco.com.br ;
Colunista do site Santa Ignorância ! - www.santaignorancia.com.br;
Responde a perguntas sobre tratamento de efluentes domésticos e industriais, caixa separadora de água e óleo, meio ambiente, etc, no site Posto Ecológico - www.postoecologico.com.br;
Colunista do site Florais e Cia - www.floraisecia.com.br e do site Santaignorancia www.santaignorancia.rg.com.br





<<Voltar para página Anterior

 

 

Topo^   

COLUNAS